Projeto Rotas da Conservação - tartaruga de couro

Rio de Janeiro - Monitorar para preservar a tartaruga-de-couro e o camurupim: este é o principal objetivo do projeto Rotas da Conservação, lançado pela Shell, em parceria com o Instituto Tartarugas do Delta. O projeto, no valor de 1,7 milhão de reais, será financiado com recursos da cláusula de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação dos contratos de concessão da Agência Nacional do Petróleo (ANP) e terá a duração de 18 meses.

Acostumada a financiar projetos de pesquisa relacionados ao uso de tecnologias para exploração e produção, a Shell decidiu, desta vez, abraçar a causa da preservação da fauna local. “Esse projeto carrega um aspecto pioneiro para o setor por ser o primeiro da esfera ambiental com verba de P&D”, celebra Flávio Rodrigues, Diretor de Relações com o Governo da Shell Brasil.

A equipe se concentrará em estudar e conhecer as rotas migratórias da tartaruga-de-couro durante a temporada de desova e a rota de migração do camurupim adulto capturado pela pesca artesanal no litoral do Piauí. Além disso, avaliar os aspectos reprodutivos das espécies na região e entender o conhecimento dos pescadores sobre essas duas espécies.

“O projeto também traz um impacto social muito importante para as comunidades, afetando diretamente nas atividades de turismo e pesqueiras da região. Temos, inclusive, a possibilidade de estender projetos deste tipo para outras localidades e espécies”, completa Flávio.

Trabalho em equipe

As colônias de pescadores, profissionais da área de turismo e escolas da região serão fortes aliados neste trabalho. Werlanne Magalhães, do Instituto Tartarugas do Delta, explica que essas pontes de contato são fundamentais para o sucesso do projeto.

“Precisamos dos esforços de todos da região para que o trabalho dê certo, por isso temos alguns pescadores atuando diretamente conosco. Quando um líder local explica a importância da preservação dessas espécies para a comunidade ganha um peso maior do que quando a empresa ou o instituto fazem o mesmo”, afirma.

A expectativa é gerar informações e ampliar os conhecimentos das comunidades sobre as espécies, e contribuir para a criação de planos de manejo e conservação junto com os órgãos responsáveis.

Para mais informações:

Edelman Significa
Camila Chaves
camila.chaves@edelmansignifica.com
(21) 3590-8409

Outros press releases

Contatos

Aqui você encontra os contatos da Assessoria de Imprensa da Shell Brasil.

Últimos press releases

Veja nossos últimos press releases, acesse nossa bilbioteca de imagens e vídeos e descubra como você pode entrar em contato com o time de Assessoria de Imprensa da Shell Brasil.