Agilidade, dedicação e muito estudo são alguns dos requisitos indispensáveis para o sucesso no PetroBowl. Durante o torneio, respostas para as mais complexas questões devem estar na ponta da língua. Nessa competição em formato de quiz sobre a indústria de Óleo e Gás, ganha quem aperta o botão mais rapidamente e, claro, responde corretamente às perguntas. Desde 2017, a Shell patrocina a participação da equipe PetroTeam UFRJ no PetroBowl, em uma parceria muito vitoriosa. Formado por seis estudantes de Engenharia do Petróleo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o time acumula inúmeros troféus nacionais e internacionais do importante campeonato universitário.

“O patrocínio da Shell faz toda a diferença nos nossos resultados, pois deixa o time tranquilo para focar no que realmente importa: a nossa preparação para a competição”. A declaração do capitão do PetroTeam UFRJ, Matheus Marins Gonzaga, evidencia a importância do apoio da companhia de energia para as constantes conquistas no PetroBowl, que conta com etapas regionais, nacional e mundial. Em 2020, o PetroTeam UFRJ venceu pela quinta vez consecutiva a etapa regional e garantiu a vaga no mundial, que ocorrerá em outubro e será realizado virtualmente devido à pandemia de COVID-19. Somam-se a essas vitórias oito títulos nacionais e um mundial, conquistado em 2016 em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Com disputas acirradas em diversas regiões do Brasil e do mundo, o PetroBowl envolve exercícios desafiadores de conhecimentos gerais da indústria de Óleo e Gás, perguntas sobre a história do setor e matérias de estatística. Tudo em inglês, em formato de quiz, com poucos segundos para cada resposta. No PetroTeam UFRJ, os estudantes reservam boa parte de seu tempo livre para se dedicar à competição, e a preparação exige maturidade, inteligência emocional e muita disciplina. A equipe se reúne semanalmente para revisar um extenso banco de questões, com o apoio de um equipamento parecido com o utilizado na competição, para simular ao máximo a situação do jogo. Nas semanas que antecedem as provas, o tempo de estudo chega a mais de duas horas por dia.

Diversidade como diferencial

A história de sucesso do PetroTeam UFRJ é atribuída a uma combinação de fatores, como o estudo minucioso do processo do jogo e a dedicação ao estudo do máximo de conhecimento possível – a estrutura de treinos regulares permite que os membros do time estejam com a memória ativa e a habilidade do jogo afiada. Assim como na Shell Brasil, a diversidade entre os membros da equipe – que tem em sua composição duas mulheres e um estudante moçambicano – é apontada como um fator determinante para as conquistas.

“Essa diversidade dentro do grupo permite que cada um agregue sua história ao time, o que enriquece muito e certamente é um fator determinante para nossos resultados positivos. Cada um se especializa em um assunto, traz sua personalidade e, assim, construímos uma identidade mais forte para o PetroTeam”, analisa o capitão Matheus Gonzaga.

Confira a escalação completa do PetroTeam UFRJ 2020:

Adilson Vieira de Souza Junior
Beatriz da Silva Oliveira
Davi Lima Almeida
Jaime Victor Nichols Junior
Karine Alves Miranda
Matheus Marins Gonzaga (Capitão)
Técnico: Rafael Mengotti Charin

Mais sobre Energia e Inovação

Museu do Amanhã

A Shell é mantenedora do Museu do Amanhã, ícone da educação e da inovação no Rio de Janeiro.

Shell Iniciativa Jovem

Descubra o programa da Shell que contribui para a inserção social dos jovens por meio da cultura empreendedora, capacitando-os para criar projetos sustentáveis.